Grupos de pesquisa

Novo grupo: Mulheres (re)inventadas – 2020

Inscrições abertas aqui

2017-2018 – Poéticas do Corpo – Grupo de Pesquisa e Trabalho

A trajetória do corpo na arte atravessou inúmeras transformações ao longo dos séculos, principalmente a partir do momento em que o corpo deixa de ser simplesmente representado como tema em desenhos, pinturas, esculturas, entre outros, para ser transformado no próprio objeto de arte. Inúmeras são as implicações desta transformação. O recente debate sobre o corpo na Arte Contemporânea tornou evidente o abismo entre o discurso artístico e o senso comum.

A dupla questão – ser/fazer corpo – remete às relações humanas, à história e a às tecnologias, remete também a raízes, como discutido por Simone Weil, e a rizomas, como discutido por Gilles Deleuze e Felix Guattari. O tema foi brevemente abordado em um workshop ministrado por Nicole Lima, intitulado “Da Imagem do Corpo ao Corpo da Imagem”, mas a pergunta abre o convite a um mergulho mais longo e profundo, onde partiremos das indagações de cada um em um processo de pesquisa e criação colaborativa. Com previsão de duração de um ano, a proposta é aprofundar e levar adiante projetos artísticos individuais que dialoguem com essas questões, em suas mais variadas linguagens.

A pergunta central, que deverá permear os processos é: “como nos fazemos corpo, na contemporaneidade?” Ou seja, como nos vemos, nos significamos e nos exibimos como corpos nos espaços presenciais e midiáticos em que nos colocamos; como constituímos o “eu” e o “nós” nessas variadas formas e espaços de significação?

2016-2019 – Memórias Inventadas: o diário pessoal como matéria prima em produções autorais

Aristóteles definia a imagem como um fruto de nossas experiências. Qual seria então o papel da biografia do artista em sua poética? Podemos transformar nossas próprias vivências em projetos autorais? Algumas dessas questões foram levantadas na última oficina, de mesmo nome, mas as respostas permanecem em aberto. Assim, surge a necessidade deste convite a um mergulho mais longo profundo, onde partiremos de micro universos subjetivos rumo a uma coexistência entre questões que são próprias do humano, do ser e do existir. Segue abaixo a descrição e formulário de inscrição aos interessados em participar do grupo de trabalho e pesquisa “Memórias inventadas: o diário pessoal como matéria prima para desenvolvimento de projetos autorais”

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: